Dados mostram que apenas 2% dos cargos de liderança em ciência e tecnologia na América Latina é ocupado por mulheres, segundo pesquisa feita pelo British Council, divulgada na conferência global virtual Gender Summit 2021, evento com foco no Brasil e América Latina. E na última sexta-feira (11), foi o Dia Internacional das Mulheres e Meninas na Ciência, data importante para discutir formas de aumentar iniciativas que viabilizem maior participação feminina nas áreas de ciência e tecnologia.

Estes dados mostram que é preciso aproximar as meninas, jovens e mulheres neste ambiente predominantemente masculino. E isso deve ocorrer a qualquer momento de suas vidas e sem limitá-las apenas ao estudo profissional da área, mas SIM, uma participação ativa.

E esta inclusão começa ao inserir habilidades e competências que estimulem e motivem a tomada de ações e proposição de soluções quando ainda se está em fase de desenvolvimento. E este é um dos objetivos da SIM Inova® ao ensinar robótica e pensamento computacional desde os primeiros anos da rotina escolar, de uma forma altamente inclusiva, pois os estudantes assumem funções com diferentes atividades, funções estas que são revezadas, o que faz todos os estudantes experimentarem diferentes desafios.

“A maior lacuna [na educação infantil brasileira] é a qualidade extremamente baixa. Só 10% das crianças têm desempenho escolar adequado, e apenas 3%, bom ou excelente. Os insumos principais da Educação Infantil, com impacto na fase adulta, são nutrição, afeto/cuidado e estímulo cognitivo.”

Emiliana Vega, Chefe da Divisão de Educação do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) em entrevista ao O GLOBO (2016)

Ou seja, investir em uma educação empreendedora, tecnológica, colaborativa e que estimulem habilidades organizacionais, socioemocionais, de comunicação, cognitivas e comportamentais é investir no futuro, pois as sementes plantadas hoje trarão resultados efetivos a longo prazo.

Todas estas habilidades são trabalhadas nas aulas do SIMROBÓTICA®, pois sabemos que, ao desenvolver diferentes competências e estimular atitudes que busquem soluções para inúmeros desafios, crianças e jovens tornam-se mais aptas para transformar sociedade e torná-la mais inclusiva e aberta a inovações.

Entre em contato conosco e saiba mais sobre o que o SIMROBÓTICA® pode fazer por sua cidade ou Estado através da educação computacional.

Compartilhe nosso post 🙂