O envolvimento da família nas atividades escolares do estudante é fundamental para que ele tenha um bom rendimento, não só dentro da sala de aula, mas que aprenda também com as tarefas do dia a dia e até mesmo com as atividades consideradas de lazer.  Confira abaixo seis passos para começar a participar mais da vida escolar da criança:

1 -Acompanhe as tarefas de casa. Desde os primeiros anos escolares da criança crie o hábito de perguntar sobre o dever de casa. Assim, ela não esquecerá desta parte tão importante do aprendizado e, sempre que possível, se disponha a ajudá-la. Essa atitude fortalecerá o vínculo familiar a longo prazo.

2 -Crie uma rotina. Manter hábitos vai ajudar a criança a se acostumar com o que ela precisa fazer sempre, como as tarefas de casa. Mas, além de focar no conteúdo didático, os pais podem ajudar com outros aprendizados no próprio dia a dia.   

3 -Exemplos do cotidiano. Além de aprender na escola, os estudantes também aprendem dentro de casa. Para isso, nada melhor que desenvolver atividades pedagógicas e divertidas. Para os estudantes maiores, isso também pode ser realizado em família com a utilização de jogos, como os de tabuleiro.

4 – Participar de reuniões escolares. A frequência nessas reuniões é muito importante, não só quando o boletim registra queda no rendimento. É muito importante reconhecer os méritos do estudante e buscar formas de ajudá-lo quando apresenta dificuldades.

5 – Amigos aprendendo juntos. Desenvolver habilidades socioemocionais, de comunicação e trabalho em equipe são formas de aprender. Estimule esse tipo de interação entre as crianças.

6- Aprendizado descontraído. Aprender não é só mergulhar de cabeça em um livro didático. Estimular a leitura além das obras literárias inerentes ao currículo escolar, frequentar museus, teatros, cinemas e ouvir música são maneiras de proporcionar que o estudante aprenda de um jeito diferente, adquirindo senso crítico, repertório cultural, conhecimentos gerais e de mundo.

Compartilhe nosso post 🙂